Projeto da Biblioteca Benedito Leite reúne mais de 500 crianças

Além de visita guiada, exposição de livros, filmes e oficinas, a programação na Biblioteca contou com apresentação do espetáculo Os Três Porquinhos e o Lobo Infeliz

LITERATURA Divulgação Projeto da Biblioteca Benedito Leite reúne mais de 500 crianças

Sectur
29/04/2019 15:07 atualizado em 29/04/2019 15:13

Momentos de leitura, brincadeiras e aprendizagem fizeram parte da programação realizada pela Biblioteca Pública Benedito Leite (BPBL), durante a semana passada, reunindo mais de 500 crianças no projeto Lendo a Literatura Infantil. Na sexta-feira (26), o evento encerrou as atividades com exposição de livros, roda de leitura, oficina de criação artística e visita guiada.

A diretora da BPBL, Aline Nascimento, afirma que é sempre bom ver o entusiasmo das crianças durante a visita ao prédio. “Entre impressões e curiosidades, eles relatam do que mais gostam, em geral o setor de obras raras e dos jornais antigos, e esse olhar é importante porque enquanto eles caminham entre os livros vão despertando o interesse para o universo da leitura”.

“Apesar das vagas limitadas, a demanda das escolas foi grande este ano, e aqueles que não puderam participar já agendamos visita para as próximas semanas”, informou a diretora.

Maísa Lorraine, 10 anos, do 5º ano do fundamental da UEB do Anjo da Guarda, já é assídua nas programações da Biblioteca. Esta foi a sua quinta participação, e gostou de assistir o filme curta 'A Menina que Odiava Livros’, baseado no livro da escritora indiana Manjusha Pawagi.

A animação conta a história de Nina, uma menina que não gostava de ler, mas não conseguia ficar longe deles, porque em sua casa eles estavam por toda parte. Um dia seu gatinho derrubou uma pilha de livros infantis. Abertas pela primeira vez, as páginas dos livros libertaram os personagens da história. Esse acontecimento mágico fez a menina viajar pelo fantástico mundo da literatura.

A diretora da escola Travessuras de Criança, Crislaine Gutman, levou um grupo de alunos do ensino infantil e fundamental pela primeira vez para a Biblioteca. “Trabalhamos com a filosofia de que quem muito lê não escreve tão errado, na escola temos o projeto Livro Viajante e, a cada semana, um livro vai para casa de um aluno e fica rodando entre eles até o final do ano letivo, depois fazemos roda de conversa para um momento de avaliação, e assim vamos iniciando os novos leitores”.

Além de visita guiada, exposição de livros, filmes e oficinas, a programação na Biblioteca contou com apresentação do espetáculo Os Três Porquinhos e o Lobo Infeliz, da Companhia Cambalhotas e do Centro de Artes Cênicas do Maranhão (Cacem).

O projeto Lendo a Literatura Infantil é realizado, todos os anos, como parte da programação especial de abril, mês da literatura infantil e do livro, e tem por objetivo trabalhar a formação de leitores, a criatividade, a socialização e a familiaridade com os livros.

Faróis do Saber

Em diversas cidades maranhenses foram realizadas atividades celebrando o mês da literatura infantil. Nas bibliotecas da rede Faróis do Saber, revitalizadas pelo Governo do Estado, crianças se divertiram com a programação nos municípios de Lago Verde, São José de Ribamar, Timbiras, Miranda do Norte e Alto Alegre do Pindaré.

Instagram @correioma