Marinha anuncia processo seletivo para oficiais

As vagas são para ambos os sexos, para graduados e com mais de 18 anos

OPORTUNIDADE Reprodução Marinha anuncia processo seletivo para oficiais

Assessoria
19/10/2019 13:08

Está previsto para ser aberto nesta segunda-feira, 21, o processo seletivo para o Serviço Militar Voluntário (SMV) de Oficiais temporários, destinado a  profissionais com ensino superior completo em várias áreas.

Inscrições

Os interessados deverão ler na íntegra o documento referente à seleção (aviso de convocação), programado para ser disponibilizado nos sites dos nove Distritos Navais na segunda, 21. As inscrições devem ser feitas no site, na aba “Serviço Militar Voluntário”, entre os dias 23 de outubro e 4 de novembro.

As vagas são para ambos os sexos, para graduados e com mais de 18 anos. Os rendimentos de Guarda-Marinha, posto inicial do Oficial, são de R$9.021,07, sendo R$6.993 de soldo, R$1.118,88 de adicional habilitação (16% do soldo) e R$909,09 de adicional militar (13% do soldo).

Oficial temporário da Marinha: rendimentos chegam a cerca de R$11.700

  • Após seis meses no posto de Guarda-Marinha, o oficial temporário passa a ocupar o posto de Segundo-Tenente, com rendimentos de R$9.662,10, sendo R$7.490 de soldo, R$1.198,40 de adicional habilitação (16%) e R$973,40 de adicional militar (13%).
  • Após mais seis meses, será promovido a Primeiro-Tenente, com rendimentos de R$10.636,05, sendo R$8.245 de soldo, R$1.319,20 de adicional habilitação e R$1.071,85 de adicional militar.
  • No sétimo ano de prestação de serviço militar voluntário, poderá chegar ao posto de Capitão-Tenente, com rendimentos de R$11.778, já contando com adicional habilitação (R$1.460,96) e adicional militar (R$1.187,03) .

O vínculo entre os militares temporários e a Marinha pode ser renovado uma vez por ano, podendo chegar ao máximo de oito anos, sem a menor possibilidade de estabilidade após este período.

Vagas para oficiais temporários da Marinha são regionais

O processo seletivo é regional, dessa forma, as vagas não são oferecidas a nível Brasil, mas são abertas de acordo com a necessidade de cada Distrito Naval (regiões que abrangem diversos estados para que a administração naval ocorra da melhor forma possível).

São nove distritos navais ao todo, sendo assim, o militar temporário concorrerá com inscritos dentro da região escolhida, assim como servirá somente dentro dessa localidade.

Processo seletivo

O processo seletivo para oficial temporário ocorrerá por meio de provas objetivas, previstas para 9 de fevereiro de 2020, com 50 questões, sendo 25 de Língua Portuguesa e 25 de Formação Militar-Naval, sendo que para médicos são 25 questões de Conhecimentos Específicos ao invés de Formação Militar-Naval. As referências bibliográficas serão indicadas em um dos apêndices do Aviso de Convocação.

Aprovado nesta primeira etapa, o candidato passará ainda pelos Eventos Complementares, que são a Inspeção de Saúde (IS), a Prova de Títulos (PT), o Teste de Aptidão Física (TAF), com natação e corrida, a Verificação de Dados Biográficos (VDB) e a Verificação Documental (VD).

Instagram @correioma